22jun
2014
1

Seu filho não gosta de ler?

A paixão pela leitura começa pela leitura. Seria uma frase estranha, se não fosse tão óbvia. Quando apresentamos um livro para uma criança, estamos apresentando uma fantasia, uma possibilidade de inventar novas …coisas para o mundo, estamos deixando que ela imagine, que ela crie novas relações e novas ideias que não são limitadas pela realidade. Pelo menos é isso que deveriam poder fazer. Cometemos o erro de começar a ensinar a linguagem escrita pela gramática, pela decodificação. Pelas tantas letras soltas, desenhos que nada dizem por si só, e por vogais e consoantes, e ditongos e hiatos. E no meio de tanta regra, o prazer se perde. Quando lemos para uma criança, devemos dar vida ao livro. Devemos deixar nosso lado teatral falar alto e representar aquilo que está sendo contado para ela. Ela se interessa, se cala, te olha com atenção, ri, fica ansiosa pela próxima página. Isso é ler! Vários pais têm reclamado, em vários encontros, que seus filhos não gostam de ler. E eu lhes conto que na verdade seus filhos só aprenderem a decodificar a linguagem escrita. Eles leem, mas não Leem. Entende? Não? Assim: Eles sabem decodificar as palavras escritas e o som que produzem é correto. Mas se lhes perguntar em seguida o que leram, dirão: Não sei. E qualquer livro parecerá chato se eu nem souber o que estou lendo. Outros pais e professores têm reclamado que seus filhos não escrevem, nem bem e nem o suficiente. E eu pergunto: Eles Leem? Quando Leem, o vocabulário aumenta, o repertório para criação se amplia (eles ganham cartas na manga), eles sentem que sabem o que estão fazendo e que podem causar as mesmas emoções que sentiram quando Leram. Quando pedimos para uma criança que escreva, estamos pedindo que crie. Para nós, adultos, criar é simples? Imagino que aí também não seja, então porque exigimos que criem, normalmente com tempo reduzido e tema pré-determinado, e que soem naturais, e que escrevam muito e que escrevam bem? Isso acontece, é claro que sim! Quando a paixão pela leitura acontece, as crianças se tornam cada vez mais aptas a escrever bem belas histórias. Elas entendem, enfim, que a escrita é instrumento com o qual se comunicam. E entendem porque precisam estuda-la, debruçar-se sobre ela e entender suas regras para fazer cada vez melhor. Se seu filho não gosta de ler, leia mais para ele. Será um momento de união, afetividade e progresso de vocês.
Pamela Greco Pedagoga e especialista em desenvolvimento infantil
http://www.paisqueeducam.com.br/2014/06/18/seu-filho-nao-gosta-de-ler/

Comentário(1)

  • Carolina Liz

    ++++++Estão de parabéns, site muito bom, ótimo conteúdo

    Responder

Responder

Click to access the login or register cheese