20nov
2020
0

A Noiva Caveira – Africano

A NOIVA CAVEIRA – A menina desobediente que se casou com uma caveira

Em uma cidade da Nigéria, vivia tranquilamente uma família: o pai, a mãe e uma filha encantadora. A menina, chamada Afiong, era de uma beleza incrível, por isso era disputada por todos da cidade, mas sempre eram recusados por ela. A garota queria se casar com o rapaz mais bonito da cidade. Um jovem que pudesse amá-la como ela merecia. Os pretendentes arrumados pela família, normalmente eram ricos e feios. Contudo, isso ela não queria. Assim ela vivia desobedecendo a seus pais.

A fama da beleza da virgem negra chegou às profundezas da terra dos espíritos. Posteriormente uma caveira ficou encantada com a história e decidiu que com ele se casaria com essa moça. Para isso, precisaria ficar excepcional. Então pegou emprestadas dos amigos, as melhores partes de seus corpos: cabeça de um, pernas musculosas de outro, tanquinho de outro amigo, bumbum perfeito de outro e assim por diante. Dessa forma, ficou maravilhoso! Irresistível!

Primeiramente o caveira charmoso resolveu sair da terra dos espíritos. Depois ficou circulando na cidade para ser notado.

Afiong ouvira comentários sobre um homem maravilhoso que estava frequentando a cidade. Às vezes, ele ia à feira.

Assim sendo, ela decidiu procurá-lo na feira.  Quando se viram, foi amor à primeira vista. Ela o convidou a ir a sua casa. Caveira prontamente aceitou  o convite. Aproveitou o momento para pedir a mão da garota para a união. Os pais recusaram, pois não conheciam o rapaz.  Depois de tanta insistência, tanto da moça, quanto do falso rapaz, os pais resolveram aceitar. Também se eles recusassem, ela provavelmente os desobedeceria. Certamente casaram-se a contra gosto dos pais.

Os dois conviveram dias na casa dos pais de Afiong. Até que um dia, o rapaz com sua beleza emprestada resolveu levar a esposa à sua cidade. Os pais dela tentaram detê-la, mas a desobediente bateu pé e foi. Surpreendentemente, a moça estava apaixonada por tamanha beleza. Os dois partiram. O pai inconformado consultou um vidente e imediatamente descobriu que o rapaz era uma fraude. Ele não pertencia ao mundo dos vivos e sim dos mortos. O bruxo disse ao pai  que provavelmente a filha seria morta. De fato, seus pais sofreram muito pela perda da filha. Acharam que ela já estivesse morta.

Caveira e a bela esposa caminharam dias até que chegaram à terra dos espíritos. Assim que entraram, os amigos que haviam lhe emprestado partes do corpo, exigiram tudo de volta: as pernas perfeitas, a cabeça inteligente e bela, o bumbum durinho…tudo. Caveira voltou ao seu horrível normal.

Dessa forma, a garota inconformada com a  real e péssima aparência do marido, só queria voltar para a sua casa. Caveira ignorou a vontade dela. afinal de contas, ela foi enganada por ele.

Quando chegaram à casa do marido, a bela menina conheceu a sogra. Era uma velhinha muito debilitada, que se arrastava e não conseguia fazer absolutamente nada. Afiong fez tudo para a mãe do Caveira. A senhora adorava a garota. Tinha muita pena dela. Prometeu ajudá-la, pois sabia que na terra dos espíritos, todos eram canibais. Um ser vivo ali duraria pouco tempo. Por isso a senhora escondia a nora, pois ela era muito boa para ela. A velhinha disse-lhe:

-Vou te ajudar a sair da terra dos espíritos. Afinal meu filho te enganou.  Tem apenas uma condição: nunca mais desobedeça os mais velhos.

Afiong imediatamente aceitou a proposta.  Prometeu obediência a todos.

A senhora preparou feitiços. Em pouco tempo, Afiong estava em frente à casa de seus pais.

Os pais quando viram a filha, não acreditaram, pois achavam que ela estivesse morta. Ficaram tão felizes que prepararam uma festa para o retorno da filha. Naquele mesmo dia,  o pai incentivou o governo  a criar uma lei para que ninguém se casasse com desconhecidos.

Os pais não perderam tempo. Quiseram que ela se casasse com o amigo mais feio que o pai tinha. Imediatamente ela obedeceu.

O casamento aconteceu. Foram muito felizes e tiveram muitos filhos.

Afiong – nome africano feminino que significa uma garota que nasceu quando a lua surgiu.

Efiong – nome masculino.

Sem Comentários

Responder

Click to access the login or register cheese