29out
2018
0

O Rato do Campo e o Rato da Cidade

Em uma fazenda muito produtiva vivia um ratinho extremamente feliz. Era conhecido pela família como o rato do campo. Plantava e colhia seu próprio alimento: milho, trigo, batata… Numa tarde maravilhosa, quando finalizava a colheita de espigas com seu velho trator, viu se aproximar um carro conversível, dirigido por um rato com gravata borboleta de […]

29out
2018
0

Releitura do Palácio dos Cedros

A releitura do Palácio dos Cedros está presente em uma das páginas do livro O Rato do Campo e o Rato da Cidade. O Palácio dos Cedros está localizado no bairro do Ipiranga, São Paulo, na Rua Bom Pastor, número 798. A residência foi construída no ano de 1922, com projeto do engenheiro Heribaldo Siciliano.  O seu […]

29out
2018
0

Releitura de Kandinsky – Improvisação 26

A releitura de Kandinsky está presente em uma das páginas do livro O Rato do Campo e o Rato da Cidade. Informações da obra de Wassily Kandinsky: Städtische Galerie im Lenbachhaus and Kunstbau Improvisation 26 (Rowing) Obra de arte Artista: Wassily Kandinsky Criação: 1912 Gênero: Arte abstrata Materiais: Lona, Tinta a óleo Períodos: Arte abstrata, Expressionismo, Arte […]

18set
2018
0
Destaque

Fábulas com Sabor e Saber

Na maioria das histórias infantis tradicionais encontram-se situações relacionadas à alimentação que podem ser exploradas no ambiente escolar. A presença do alimento nas histórias é comum, uma vez que faz parte do cotidiano. Portanto os contos de fada, as fábulas… podem ser ferramentas simples que permitem à escola explorar inúmeros conceitos sobre alimentação e nutrição […]

09ago
2018
0

Bienal 2018

Ficamos muito felizes com o lançamento de “A Raposa e as Uvas” – na Bienal 2018.  Compartilhamos alguns desses momentos. Agradecemos o carinho e a presença dos amigos.

30jul
2018
0

Bienal 2018 – Lançamento: A Raposa e as Uvas

A Fábula “A Raposa e as Uvas” com o cenário todo em frutas será lançada na 25ª Bienal Internacional de São Paulo, no próximo dia 08 de agosto. “É costume de muitos desfazer daquilo que não podem possuir”; “A cobiça consola-se, deprimindo o que não pode alcançar”; “Há quem prefira desdenhar a lamentar”; “Não devemos […]

Página 1 de 10